Vasos Decorativos de Chão para Sala

Vasos Decorativos de Chão para Sala
Vasos Decorativos de Chão para Sala

Se o que você procura são vasos decorativos de chão para sala com a maior qualidade e variedade possíveis, veio ao local certo. A Geniale é uma fábrica de vasos para decoração de ambientes que já atua no mercado há muitos anos e tem contado, cada vez mais, com uma taxa de satisfação que faz inveja em qualquer concorrente. Além disso, também permitimos a customização dos produtos por meio do próprio site, o que garante um design de interiores que expresse, realmente, a sua personalidade e encante todas as visitas. A seguir, alguns dos mais vendidos são apresentados, mas é possível ver a coleção completa clicando em ver todos logo adiante.

Diferenciais dos nossos vasos decorativos de chão para sala

Indicação de plantas vermelhas para os seus vasos decorativos de chão para sala

Que um Geniale fica bonito como peça de decoração de interiores inclusive sozinho, isso todo mundo já sabe. Entretanto, sem dúvida a cor dos nossos produtos pode se evidenciar com a escolha da planta certa. Dessa forma, como os vasos decorativos azuis e pretos estão entre os mais comprados, decidimos recomendar, no conteúdo disponibilizado neste post, algumas plantas vermelhas que seriam ideais para as tonalidades mencionadas. Contudo, é importante lembrar que, além dessas, também disponibilizamos outras variações, não só de tons, mas de tamanho e textura, dos nossos vasos decorativos, que te permitem alcançar o ambiente que mais represente a sua personalidade.

A Lúcia Borges, paisagista, no vídeo destacado nesta seção dá dicas de dez plantas vermelhas que podem ser cultivadas tanto no jardim ou em nossos vasos decorativos de chão para sala, especialmente com os azuis ou pretos, que ficariam lindos para a tonalidade mencionada, contrastando com o ambiente.

Um jardim não precisa ser composto apenas de tonalidades verdes ou ser colorido somente com as flores vistosas, ele também pode se destacar por meio das folhages, sendo as vermelhas as que mais chamam atenção quando existentes. As folhas dessa cor podem ser permanentes ou estar presentes somente durante uma fase do ciclo da espécie mediante as estações do ano, como algumas que apresentam a tonalidade vermelha apenas quando a folhagem está caindo, durante o outono. Além disso, há algumas que, quando muito expostas ao sol também podem apresentar, também podem apresentar essa coloração por motivos fisiológicos, o que garante sempre uma variedade de tons em qualquer sazonalidade.

A seguir, dez espécies de características diferentes são listadas: algumas arbustivas, outras de plantas de foração, muitas de sol pleno e algumas que toleram inclusive ficar em ambientes internos a meia sombra, sendo ideal para serem cultivadas nos vasos decorativos de chão para sala da Geniale.

  1. Lutiela: uma planta recentemente vista no mercado, ela cria um maciço volumoso que se destaca no jardim, seu porte alcança em torno de 40 centímetros de altura. Porém, ela forma uma copa larga baixa, que fica muito ornamental, realçando-se em meio ao gramado. Sua folhagem apresenta um vermelho bem escuro que fica cada vez mais vinho na presença de sol e é do mesmo gênero da Piriquitim, sendo, em vista disso, uma combinação perfeita para com esta.
  2. Hera Roxa: uma plantade folhagem bem escura, enrugada, que forma contrastes belíssimos, não só entre si mas, também, com as outras espécies presentes na paisagem. Ela alcança uma altura um pouco mais baixa que a Lutiela, sendo perfeita para se utilizar em nossas jardineiras ou bacias para plantas. É excelente para fazer bordaduras ou canteiros e maciços de primeiro plano, caso forem utilizadas em ambientes exteriores. É bom lembrar que, caso forem escolhidas para a varanda, que seja em um local que bate sol; caso contrário, você terá que colocá-la sob este todos os dias, para que se permita a fotossíntese, que só ocorre nessa condição.
  3. Amamélis: visto apenas recentemente nos jardins, ela é uma planta arbustiva que também apresenta uma tonalidade roxa como presente na maior parte da sua folhagem. Seu porte pode chegar em torno de um metro e meio de altura, sendo, por essa razão, aconselhável que seu cultivo ocorra somente em vasos decorativos grandes. Suas folhas são levemente pilosas, o que evita a perda de água, fazendo com que ela não demande tanta rega. No entanto, ela também gosta de pegar um pouco de sol, o que não a torna a escolha perfeita para se utilizar com os nossos vasos decorativos de chão para sala, mas talvez na varanda.
  4. Iresine: asim como a Hera Roxa, sua folhagem também é enrugada. Todavia, sua tonalidade está mais para o rosa, assim como o caule. Ela é arbustiva e aceita bem a poda, possibilitando maciços bem rente ao chão. Ela é de fácil cultivo e se adapta muito bem ao clima brasileiro. Obviamente, por não ser muito grande, não a recomentamos para os vasos decorativos de chão para sala, mas cairia muito bem com uma de nossas jardineiras ou bacias para plantas.
  5. Bromélias: na verdade a quinta escolha representa um grupo de plantas, pois as Bromélias se apresentam em diversas espécies, variando bastante, em vista disso, nos formatos, cores, texturas e tamanhos. Quanto mais ao sol, melhor ela se desenvolve. Em geral, ela é uma planta epífeta, o que significa que ela prefere ficar sobre outras em uma situação de comensalismo (parceria). Contudo, ela se adapta bem a substratos específicos, que disponibilizam os nutrientes necessários para que ela se desenvolva.
  6. Peperomia Tricolor: como o próprio nome insinua, ela apresenta três diferentes tonalidades: verde, vermelho e amarelo, por meio de desenhos sempre orgânicos e diversso, possibilitando um contraste sem igual com o verde da grama, sem nunca deixar a paisagem entediante. Suas bordas é que apresentam o tom avermelhado, que se expande quando incidente sob o sol. Contudo, ela também se adequa bem à meia sombra, sendo, então, recomendada para o cultivo em um de nossos vasos decorativos de chão para sala. Além disso, ela é considerada de fácil cultivo, pois não demanda muita água, possibilitando que a rega seja feita somente uma vez por semana.
  7. Dracena Rubra: para a sétima sugestão, apresentamos essa planta que carrega a tonalidade vermelha inclusive no nome, mas que, assim como algumas outras mencionadas também se destacam por meio de uma combinação de tonalidades vibrantes que encantam qualquer transeunte ou visita. Elas se apresentam com uma variedade tão grande de espécies que também podem ser encontradas em outras cores, portes e texturas, o que facilita o trabalho da paisagista ou do design de interiores, que também podem utilizá-la em nossas jardineiras, bacias para plantas ou mesmo no vaso decorativo de chão para sala, dependendo do porte escolhido.
  8. Léia Rubra: assim como a anterior, ela também evidencia a cor majoritária no nome, sem deixar, contudo, de apresentar outras tonalidades que interagem como em um vivaz arranjo. Ela é muito utilizada em vasos decorativos de chão para sala e em cercas vivas, pois apresenta um tamanho ideal para ambas as funções e se adequa perfeitamente à poda. Essa espécie gosta bastante de meia sombra, o que é o recomendado para o serviço de design de interiores. Contudo, como o seu porte pode ultrapassar dois metros e meio de altura, é importante ficar atento ao momento ideal para podá-la, de acordo com o efeito desejado para o ambiente em que ela se insere. Também existe a Léia Verde, todavia esta não é tão resistente à meia sombra, necessitando de mais sol para efetuar a fotossíntese.
  9. Acalifa: possui folhas largas, apresenta padrões e variedade bem diferentes. Entretanto, a mais utilizada para o serviço de paisagismo é a que apresenta folhages bem vermelhas. Ela é largamente utilizada como cerca viva. É importante ressalvar que a sua seiva é tóxica, demandando cuidado com o manuseio.
  10. Cróton: a décima e última recomendação é uma planta já mais famosa, que se apresenta em tonalidades que variam do velho a um roxo bem vivo. Ela pode alcançar portes um pouco maiores, mas nem tanto, sendo ideal para um vaso decorativo grande.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *